Conheça os primeiros passos de uma reforma

Conheça os primeiros passos de uma reforma

Quem já está há algum tempo sem dar aquela renovada na casa e deseja realizar uma baita reforma no imóvel precisa ter em mente alguns cuidados para manter a ordem, assegurar a conclusão dos serviços e ficar longe de possíveis problemas. Como a obra envolve o seu cantinho mais especial, todo cuidado é pouco. Pensando nisso, nós da Projeto Mosaico, elaboramos uma matéria repleta de informações relevantes sobre o assunto. Confira as nossas dicas e mãos à obra, literalmente.

1ª fase – Planejamento e orçamento da reforma

Não faz sentido levantar poeira sem antes definir o que realmente se deseja construir, concorda? Portanto, pense bem nos pontos que vão sofrer as alterações e, após escolher a mão de obra responsável, converse com os trabalhadores para verificar a viabilidade do projeto. Depois de colocar tudo no papel, chegou a hora de conferir se a conta fecha e o seu orçamento tem capacidade para levar a obra até o fim. Caso a resposta seja positiva, marque no calendário os prazos de entrega para acabar com o enrola-enrola.

Complemente os seus conhecimentos:
5 dicas para economizar na reforma da casa

2ª fase – Proteção dos móveis

cuidado-moveis-reforma

Tenha cuidado com a mobília para evitar prejuízos financeiros.

A quebradeira já começou e você não se lembrou dos objetos de decoração e o restante dos móveis? Problema, viu? Na verdade, prejuízo. Para que isso definitivamente não aconteça, a recomendação é utilizar o mais breve possível jornais, plástico-bolha, lonas, papelão e tecidos grossos para impedir que a poeira e, consequentemente, os arranhados causem danos à sua propriedade.

Quer uma sugestão melhor ainda? Remova os itens de maior valor e coloque-os em cômodos que não vão receber a reforma. Mas e se casa toda estiver na programação? Simples! Contrate uma empresa especializada em alugar espaços, os famosos self-storage.

3ª fase – Reconstrução

Mesmo que você tenha contratado uma empresa por fora para tocar as modificações adiante, é necessário acompanhar de perto o trabalho dos funcionários. Informe se naquele determinado espaço há vigas que sustentam a base da construção. Se os reparos acontecerem dentro de um condomínio de lotes, por exemplo, verifique previamente com a administração pormenores do tipo.

Outro ponto que merece a sua preocupação diz respeito ao entulho gerado após a remodelação. Tome cuidado para não descartar o lixo na frente da casa dos vizinhos, senão a confusão está armada. Separe tudo em caçambas e não espere muito tempo para dar um fim na bagunça.

4ª fase – Instalações elétrica e hidráulica

profissional-instalacao-hidraulica

É melhor contar com um profissional treinado para resolver problemas como esse aqui de cima.

Olha, só para se ter uma noção, profissionais desse ramo são extremamente disputados, então não deixe para procurá-los aos 45 minutos do segundo tempo, OK? Inclua-os logo na etapa de planejamento da reforma. Se o imóvel for antigo, olhos abertos para o padrão de fiação e tubulação da atualidade. Na hipótese de compra de novos eletrodomésticos, verifique se o sistema, como um todo, suporta a demanda.

Temas relacionados:
Invista na iluminação certa para cada cômodo
7 dicas valiosas para a reforma da casa

5ª fase – Acabamento 

Os últimos ajustes da reforma estão relacionados a detalhes como a pintura e a colocação de pisos e azulejos. Por isso, dê prioridade à mão de tinta para, enfim, instalar os revestimentos. A precaução afasta qualquer chance de riscos e manchas, ou seja, o seu bolso agradece. Há de se pensar também na instalação de luminárias e móveis planejados como os armários, os espelhos e as portas de correr.

Temos certeza de que você gostou do conteúdo, né? Então não deixe de aprender a como manter a casa organizada durante a reforma.