Como o IGP-M afeta sua parcela? - Projeto Mosaico
Área do Cliente

Como o IGP-M afeta sua parcela?

Se você tem um financiamento de lote e está curioso para saber quais são as taxas que influenciam na alteração do valor de parcela, conheça o IGP-M e confira como…

By: Projeto Mosaico 31/01/2020

Se você tem um financiamento de lote e está curioso para saber quais são as taxas que influenciam na alteração do valor de parcela, conheça o IGP-M e confira como ele afeta o cálculo da sua parcela.

Entrar em um financiamento é assumir um compromisso de longo prazo. São alguns anos com uma dívida que você precisa pagar mensalmente. Até aqui, nada de novo, certo? O que muita gente esquece de considerar ao assumir as dívidas é o que pode – e com certeza vai – fazer com que os valores oscilem. E eles oscilam para mais e para menos.

As diversas taxas que influenciam nos financiamentos são fundamentadas em índices nacionais e cada uma se altera de acordo com variáveis diferentes. Hoje vamos falar dela, o IGP-M, o que é e como afeta o valor da parcela do seu lote.

Entenda como o IGP-M nasceu

O Índice Geral de Preços do Mercado, ou IGP-M, foi criado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) como um indicador para as correções de títulos emitidos pelo Tesouro Nacional e Depósitos Bancários, com renda pós fixada acima de um ano. Em seguida, o índice também passou a servir de base para a correção de contratos de aluguel e de outras tarifas, como energia elétrica.

Hoje, a taxa funciona como um importante indicador de preços praticados no mercado nacional, considerando as mesmas variações de preços analisadas no IGP-DI/FGV, ou seja, o Índice de Preços por Atacado (IPA), o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) e o Índice Nacional de Custo de Construção (INCC).

Vamos entender melhor do que se trata cada um deles e como eles influenciam no valor final do IGP-M? Confira no item a seguir.

Como o IGP-M é organizado?

Como já comentamos, o IGP-M é composto por três outros índices: IPA, IPC e INCC. Cada um deles tem seu peso dentro da taxa final e considera dados de produtos e mercados diferentes. 

Vamos entender como cada um influencia no valor final.

  • Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA): Nascido como Índice de Preços por Atacado e alterado em 2010, mantendo apenas a sigla, é um índice que, em suma, considera as variações de preços de produtos agropecuários e industriais nas transações interempresariais. Tem peso de 60% do Índice Geral de Preços do Mercado;
  • Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que tem peso de 30% no IGP-M. Ele mede a variação dos preços de um conjunto fixo de bens e serviços, sendo eles: Alimentação, Habitação, Vestuário, Saúde e Cuidados Pessoais, Educação, Leitura e Recreação, Transportes, Despesas Diversas e Comunicação. São itens que compõem as despesas habituais de famílias com nível de renda situado entre 1 e 33 salários mínimos mensais;
  • Índice Nacional de Custo de Construção (INCC), que compõe 10% do IGP-M e cujo cálculo é baseado na coleta de dados feita em sete capitais: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador, Recife, Porto Alegre e Brasília. A forma como o cálculo é realizada pode ser conferida com mais detalhes aqui neste post.           

A principal diferença entre o IGP-M/FGV e o IGP-DI/FGV é o período em que as variações de preços são consideradas:

IGP-M/FGV: do dia vinte e um do mês anterior ao dia vinte do mês de referência;

IGP-DI/FGV: do dia um ao dia trinta do mês em referência. 

A cada dez dias, a FGV divulga as variações prévias que comporão o índice referente ao período completo analisado, que é divulgado sempre mensalmente, ao final do mês de referência. É este valor que você vai utilizar para aplicar sobre a sua parcela e verificar a variação do valor final.

Aqui na Projeto Mosaico utilizamos o IGP-M/FGV. O assunto é realmente um pouco complicado e cheio de cálculos, mas não se preocupe, estamos aqui para te ajudar!

Se você tem um financiamento de lote e ficou com alguma dúvida sobre o cálculo dos valores finais das suas parcelas ou sobre quando sofrerão reajuste, entre em contato com um de nossos especialistas. 

Disqus
Outros Posts